Mala de Viagem: Checklist para Organizá-la sem Esquecimentos

Mala de viagem sem esquecimentos

Um dos momentos que mais gera dúvidas antes de sair para viajar é como organizar mala de viagem. Afinal de contas, que itens levar? Qual tipo de bagagem levar? Existe algum documento específico que não pode faltar?

E dar atenção para cada uma dessas questões é essencial para evitar que alguma coisa falte durante a viagem, ou pior, que a bagagem seja barrada. Até porque ninguém quer que um momento de diversão em família seja abalado por algo tão simples.

Por isso, separamos várias dicas do que levar na mala de viagem. Confira!!!

Dicas do que não esquecer na hora de organizar mala de viagem

Na hora de arrumar mala de viagem é necessário fazer uma verdadeira lista. Somente assim você irá garantir que não esquecerá de nada.

E para te ajudar nos separamos algumas dicas do que não pode faltar no seu checklist. Desde o momento da escolha do modelo da bagagem, até a documentação. Confira!

1 – Escolha uma bagagem de acordo com as suas necessidades, mas também com as regras da companhia aérea

Antes de começar a organizar mala de viagem o primeiro item do checklist deve ser a escolha do modelo. A sua bagagem precisa ter um tamanho adequado para suas necessidades.

Uma mala para uma viagem de três dias, por exemplo, tem um tamanho bem menor que uma para uma viagem de duas semanas. Por isso, avalie com cuidado o tamanho.

Além disso, sempre prefira modelos com sistemas de segurança, para garantir a proteção dos seus itens. E não se esqueça de verificar com a companhia aérea as medidas e peso permitidos. Lembrando que essas características podem mudar de empresa para empresa, e também se o voo.

2 – Não deixe para fazer sua mala de viagem na última hora

Uma das principais dicas na hora de organizar mala de viagem é não deixar para a última hora. Esse provavelmente é um dos erros mais comuns que as pessoas cometem, e que deve ser evitado a todo custo.

Se você deixa para arrumar a sua mala um dia antes da viagem, ou até mesmo no dia exato do voo, as chances de acabar esquecendo de algo são maiores. Afinal de contas, você terá um tempo curto para verificar todos os itens da sua lista.

Por isso, sempre comece a organização com antecedência.

3 – Mudas de roupas sempre separadas

Mais um dos itens do checklist é separar as mudas de roupas. Muitas pessoas tendem separar as peças por tipo, como calças, camisetas, vestidos entre outros.

Contudo, isso acaba sendo um fator bem complicado na viagem. Principalmente se ela for curta. Você acaba mais tempo tentando encontrar as peças.

Por isso, o ideal é que você crie os looks e separe todos dentro da mala. Alguns modelos de bagagem já vêm com vários compartimentos para isso. Mas você também pode usar sacos ZIP próprios para esse tipo de arrumação.

Uma das vantagens desse tipo de organização é que você já consegue ter um look completo sempre a mão. E no caso de quem coloca em sacos de fechamento a vácuo, ainda é possível proteger os itens. Assim, caso algum shampoo ou perfume estoure durante o voo, por exemplo, você não irá sujar todas as suas roupas.

Outro grande diferencial de arrumar as roupas dessa forma é que fica mais fácil substituir de última hora. Por exemplo, você viu que o destino para onde vai, que normalmente tem um clima bem quente, está com uma frente fria.

Organizando as mudas de roupas em saquinhos, você pode facilmente trocar três ou quatro opções de looks por algo mais quente.

4 – Prefira levar itens de higiene pessoal em embalagens próprias para viagem

Outra recomendação em relação a hora de organizar mala de viagem é em relação aos itens de higiene pessoal. Afinal de contas, embalagens de líquidos sempre correm o risco de abrir e assim manchar ou sujar as peças.

Além disso, no caso de quem vai levar esse tipo de produto na bagagem de mão, é necessário prestar atenção na quantidade. Isso porque existe uma limitação por frasco.

Então, a primeira coisa que você precisa fazer é verificar junto a companhia aérea quais são as normas dela. Isso porque essas regras também podem mudar de empresa para empresa.

Depois, o ideal é que você leve itens para viagem. Coisas como pasta de dente, shampoo e condicionador podem ser facilmente encontrados em farmácias e hipermercados em versões para viagem.

Agora, se você possui aquele shampoo específico que não pode faltar, ou até mesmo um creme para a pele, o ideal é comprar embalagens para viagem em lojas de utilidades domésticas. E além disso, depois não esqueça de colocar todos esses itens em um saquinho ziplock.

mala de viagem organizada
Foto por Brandless de Unsplash

5 – Dê preferência para tecidos que não amassam e roupas fáceis de combinar na sua mala de viagem

Quando o assunto é viajar nunca se sabe quando uma atividade mais formal pode surgir no itinerário, ou até mesmo um jantar diferenciado. E nessas horas, contar com a sorte de ter uma lavanderia perto do hotel ou um ferro de passar no quarto não é uma boa alternativa.

Até porque ninguém quer ficar se preocupando com roupas amassadas durante a viagem em família. Por isso, o ideal é que ao organizar a sua mala você escolha tecidos que não amassam facilmente.

Acredite, isso irá te poupar muito trabalho e dor de cabeça. Já no caso de casacos grandes, que não podem faltar quando o destino é bem frio, o ideal é colocar tudo em sacos a vácuo. O volume desse tipo de peça vai diminuir drasticamente dessa forma.

Ainda sobre a escolha das peças, o ideal é escolher roupas fáceis de combinar. Assim, mesmo tendo separado os looks antes, você pode dar uma modificada nas combinações na hora.

6 – Separe os eletrônicos

Nem sempre todos os eletrônicos que você precisa levar cabem na bagagem de mão. É muito comum que algumas coisas tenham que ser despachadas.

E se você foi usar apenas uma mala, é importante separar todos os aparelhos eletrônicos. Principalmente se você for levar itens como shampoos, cremes e perfumes na bagagem. Uma boa alternativa é comprar bags apropriadas para cada tipo dispositivo, como notebooks e câmeras fotográficas.

Essas cases geralmente possuem a proteção adequada para garantir que os itens não sejam danificados. Mas além disso, o ideal é sempre tudo dentro de um saco de fechamento a vácuo. Assim eles ficarão totalmente protegidos contra água e outros líquidos que possam molhar o interior da bagagem.

7 – Uma mala dentro da mala de viagem

Esse é um daqueles truques que todo mundo precisa saber na hora de organizar mala de viagem. Sempre deixe espaço para guardar outra mala dentro da principal que será despachada.

Inclusive, existem vários modelos que expandem ou que ficam extremamente compactos que você pode levar. E porque fazer isso?

Simples, se você vai fazer comprinhas, precisará de uma mala a mais. E ninguém ter que comprar uma nova mala durante a viagem.

Por isso vale à pena fazer esse truque. Se você vai fazer uma viagem de poucos dias ou não pretende fazer tantas comprinhas, outra alternativa é reservar um espacinho dentro da bagagem principal.

8 – Veja a previsão do tempo alguns dias antes da viagem

Essa também é uma das dicas essenciais para a hora de organizar mala de viagem. Nunca se baseie apenas no clima geral de uma região.

Tenham sempre em mente que o tempo é sempre imprevisível. Logo, de uma hora para outra você pode estar em um lugar quente e uma frente fria chegar.

Por isso, sempre dê uma olhadinha na previsão do tempo do destino alguns dias antes da viagem. E com base nisso faça os ajustes necessários na sua bagagem.

Além disso, sempre é recomendado levar mudas meia-estação e também de prevenção. O lugar possui um clima predominantemente quente? Por garantia leve algumas peças mais quentinhas e que não fazem tanto volume na mala. O melhor é sempre prevenir.

mala de viagem na mão

9 – Documentos e Itens de muito valor sempre devem ir na bagagem de mão

Documentos sempre devem estar na bagagem de mão, essa é uma regra básica. Afinal de contas, eles serão exigidos ao longo do seu percurso. Por isso, sempre coloque eles em um local de fácil acesso, de preferência dentro de uma case que possa protegê-los de acidentes.

Ainda em relação aos documentos, sempre verifique se não exigidos documentos específicos para o destino. No caso de viagens internacionais, por exemplo, sempre é necessário levar a carteira internacional de comprovação de vacinação.

Além disso, itens de grande valor, como joias e eletrônicos, também devem ir preferencialmente na bagagem de mão. Afinal de contas, ninguém quer correr o risco da bagagem ser extraviada e com ela esses objetos também serem perdidos.

10 – Sempre deixe uma muda de roupa na bagagem de mão

Mais uma das dicas para a hora de organizar as malas para viajar é sempre deixar uma muda de roupa na sua bagagem de mão. Imagine que quando você chegar ao destino o clima estará totalmente diferente.

Ou até mesmo que durante o voo você acabou derrubando alguma coisa em seu look. Para evitar ter que ficar com uma roupa suja ou até mesmo inadequada para o tempo, o melhor é sempre ter um look pronto na bagagem de mão.

Essa é uma regra ainda mais importante para quando se viaja com crianças. Afinal de contas, os pequenos são especialistas em amassarem e sujarem as roupas, mesmo que não estejam ao ar livre.

11 – Não esqueça do “kit de sobrevivência” da criançada

Essa é uma excelente dica para as mães que viajam com os filhos. Muita gente não sabe, mas mesmo as crianças de colo têm direito a quantidade de malas determinada por lei.

E você pode usar isso à seu favor para montar um kit sobrevivência. Basicamente você colocará nas bagagens de mão tudo aquilo que é indispensável para a viagem.

E isso pode variar conforme a idade do seu filho. No caso de crianças até 24 meses, por exemplo, fraldas, lenços umedecidos e pomada não podem faltar.

Além disso, para os pequenos que já têm mais de 6 meses de idade, as papinhas e lanches também sempre devem estar presentes. Esses alimentos são permitidos sim por lei, e a equipe de bordo pode até mesmo aquecer eles caso seja necessário.

Também é importante colocar uma muda de roupa extra, e no caso de crianças maiores, levar itens e atividades que possam mantê-las entretidas durante toda a viagem. Desde livros de colorir, até tablet com filmes.

12 – Sempre tenha uma balança portátil de malas consigo

Acredite, tentar adivinhar o peso da mala apenas segurando ela não funciona. Se você é do tipo de pessoa que gosta de viajar e trazer várias coisas do destino, ou até mesmo que gosta de se precaver e levar até mesmo chapinha para o destino, uma balança portátil de malas é indispensável.

Com ela você poderá pesar facilmente as bagagens para garantir que elas estejam dentro do limite permitido. Assim, você evita ter que pagar preços exorbitantes por conta do excesso de peso das malas.

13 – Não esqueça da TAG e da trava na sua mala de viagem

Esse sem sombra de dúvidas é um dos maiores cuidados que você precisa ter. Identificar a mala com uma tag bem chamativa te ajudará a encontrá-la em meio a multidão de outras bagagens da esteira do aeroporto.

E acredite, por mais diferente que o seu modelo seja, você pode encontrar outra bagagem igual. A tag também é um mecanismo de segurança para caso ela seja extraviada.

Por isso, você deve colocar algumas informações importantes, como o nome completo e telefone para contato (incluindo o DDD e o código do país do número, que no caso do Brasil é o +55).

Além disso, sempre coloque uma trava na sua mala. O ideal é comprar um cadeado no padrão aceito pelas companhias aéreas.

Conclusão

Com essas dicas de como organizar mala de viagem, você verá como será mais fácil garantir que tudo esteja na bagagem no momento de viajar. Tem mais alguma dúvida? Aproveite para deixar nos comentários!

Quer mais dicas de viagem? Veja o que preparamos para você fazer a viagem dos sonhos com suas crianças! Confira a postagem.

Deixe um comentário

  Subscribe  
Notify of